Formato do padrão do URL de políticas do Enterprise

Várias políticas requerem um padrão do URL para especificar a que URLs se aplicam. A especificação para estes padrões é descrita pelas seguintes regras.

As especificações de padrão válidas incluem um dos seguintes formatos (sem as aspas):

  • “*”
    • Este padrão corresponde a qualquer URL com qualquer esquema, porta e caminho.
  • “scheme://domains:port/path”
    • Os esquemas suportados são "http" e "https".
    • O esquema pode ser excluído juntamente com o separador de esquema "://" para corresponder a qualquer esquema. Em alternativa, pode ser utilizado um caráter universal "*" para o mesmo efeito.
    • O domínio é seguido de um domínio de nível superior e pode ser precedido de um ou mais subdomínios. Em alternativa, pode ser utilizado um anfitrião (tal como localhost).
      • Um domínio pode ser precedido de um caráter universal "[*.]" para corresponder ao domínio ou a qualquer um dos respetivos subdomínios. O domínio em questão pode ser um subdomínio de qualquer nível. Tenha em atenção que o caráter universal "[*.]" não é seguido de um ponto e deve ser precedido diretamente do domínio/subdomínio.
      • Um domínio sem o prefixo de caráter universal só corresponderá a esse domínio exato e não a qualquer subdomínio.
    • A porta é um número no intervalo 0-65535. Pode ser excluído juntamente com o separador de porta ":" ou substituído por um caráter universal "*" para corresponder a qualquer porta.
    • Da mesma forma, o caminho pode ser excluído juntamente com o separador de caminho "/" ou substituído por um caráter universal "*" para corresponder a qualquer caminho.
    • Os carateres universais não podem ser utilizados para corresponder parcialmente a um esquema, um domínio, um anfitrião, uma porta ou um caminho.
    • A utilização de vários carateres universais no mesmo padrão (por exemplo, *://google.com:*/*) é suportada.
  • “scheme://a.b.c.d:port/path”
    • Em vez de um domínio, pode ser utilizado um endereço IPv4 no formato "a.b.c.d". Embora as regras para esquemas, portas e caminhos permaneçam as mesmas em relação às regras para URLs de domínio, os carateres universais não podem de modo algum ser utilizados para endereços IP.
  • “scheme://[a:b:c:d:e:f:g:h]:port/path”
    • Um endereço IPv6 também pode ser utilizado no formato "[a:b:c:d:e:f:g:h]". Os parênteses são obrigatórios. Tal como com os endereços IPv4, os carateres universais não são suportados. As regras para esquemas, portas e caminhos permanecem as mesmas em relação às regras para URLs de domínio e endereços IPv4.
  • “file://path”
    • Se for utilizado o esquema "file", o caminho tem de começar com "/", pelo que "file://dir/myfile.html" é um padrão inválido. Em alternativa, tem de ser utilizado "file:///dir/myfile.html" (com três barras após "file:"). O único formato de caráter universal de URL de ficheiro válido é "file:///*", que corresponde a qualquer URL de ficheiro válido.
    • A parte do domínio de um URL de ficheiro tem de estar vazia e irá corresponder a qualquer domínio (ou localhost). Por exemplo, "file:///file.html" irá corresponder a "file://localhost/file.html" e "file://mysite.com/file.html".
    • As portas não podem ser utilizadas.

Padrões inválidos

  • "*://mysite.com:*/path" irá corresponder a http://mysite.com:80/path e https://mysite.com:443/path.
  • [*.]mysite.com irá corresponder a mysite.com e subdomain.mysite.com. Também irá corresponder a qualquer esquema, porta e caminho.
  • [*.]oogle.com não irá corresponder a google.com. No entanto, irá corresponder a subdomain.oogle.com.
  • file:///foo/bar.html irá corresponder a file://localhost/foo/bar.html e file://mysite.com/foo/bar.html.
  • file:///* é válido e irá corresponder a qualquer URL file://.
  • Os esquemas, as portas e os caminhos podem ser utilizados com endereços IP. Por exemplo, https://[::1]:8080/myfile.html é válido.

Padrões de exemplo

  • [*.].mysite.com é inválido (repare no ponto antes de "mysite").
  • file://mysite.com/somefile.html é inválido, pois o domínio é não vazio (não é permitido em URLs de ficheiro).
  • file://somefile.html é inválido (só tem duas barras em vez de três).
  • Tal como file://somefile.* (o único URL de ficheiro válido que contém um caráter universal é file:///*).
  • [*.]127.0.0.1 é inválido (a utilização de subdomínios ou carateres universais de subdomínios com endereços IP é inválida).
Newsletter icon

Notícias do Chrome Enterprise

Mantenha-se a par com o boletim informativo do Chrome Enterprise

* Obrigatório

Introduza o nome próprio.

Introduza o apelido.

Introduza um email válido.

Introduza uma empresa.

Introduza um cargo.

É necessário para nos ajudar a encaminhar o seu pedido com base no seu setor.

Selecione um país.

Este campo é obrigatório.

Ao enviar este formulário, aceito partilhar as minhas informações pessoais e concordo que as informações fornecidas estarão sujeitas à Política de Privacidade da Google.

Background shape
Background shape
Background shape
Newsletter icon

Obrigado

O seu pedido foi recebido.